X
Magnetis Week

a black friday da

Magnetis Logo
Invista agora
a evolução na edução financeira, conheça a Magnetis.

Anbima: tudo o que você precisa saber sobre essa associação!

Se você tem interesse em saber mais sobre o mercado financeiro, precisa conhecer as entidades que o cercam. Esse é o caso da Anbima! Se quer começar investir ou já investe, saber mais sobre essa associação é essencial para você.

Neste conteúdo você encontrará tudo sobre a Anbima, suas responsabilidades e escopo de atuação. Acompanhe!

O que é Anbima?

A Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) é uma entidade que representa bancos comerciais, gestoras, corretoras, distribuidoras e administradoras de patrimônio.

Sua função é estabelecer boas práticas e regras para a atuação das empresas do setor de investimentos, além de conceder certificações aos profissionais que atuam na área. Por esse motivo, ela é muito importante para quem investe.

Falando um pouco de sua história, é interessante destacar que ela é fruto de duas associações: a Associação Nacional dos Bancos de Investimento (ANBID) e a Associação Nacional das Instituições do Mercado Financeiro (ANDIMA), que em 2009 fizeram uma fusão.

Como a entidade funciona?

O Sistema Financeiro Nacional é formado por quatro tipos de mercados: o de moeda, o de crédito, o de capitais e o de câmbio. Para regular a atuação das instituições que atuam nesses segmentos, existe o Conselho Monetário Nacional (CMN).

Além dele, ainda há outros órgãos fiscalizatórios, como o Banco Central do Brasil (BCB) e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Eles são os responsáveis por fiscalizar e cobrar que as leis e regras sejam devidamente cumpridas — um tipo de fiscalização legal.

A Anbima tem um modo de funcionamento diferente, pois sua atuação está baseada na autorregulação. Isso significa que as instituições que operam no mercado financeiro se uniram com a finalidade de aperfeiçoar suas práticas de gestão.

Sendo assim, podemos dizer que essa entidade regula regras para o mercado feitas por ele mesmo e para o seu próprio benefício.

Essas práticas dependem de adesão voluntária. Porém, depois de aceitá-las, o membro deve segui-las sob pena de sofrer as sanções previstas no estatuto da Anbima. Por exemplo:

  • carta de advertência;
  • multa;
  • advertência pública;
  • suspensão do selo da associação;
  • exclusão.

Além dessas funções, é interessante destacar que a Anbima tem um papel relevante na representação de seus associados perante os órgãos governamentais e atua buscando parcerias com entidades internacionais.

Quais são os compromissos da Anbima?

Até aqui, ficou claro que Anbima tem um papel importante para o mercado financeiro, não é mesmo? Para reforçar esse entendimento, é essencial que você compreenda os seus compromissos.

Preparamos um breve resumo de suas quatro atribuições. Confira!

Informar

Estamos sempre destacando a importância da busca por mais conhecimento no mundo dos investimentos. Afinal, aprender e se informar são pilares para uma atuação planejada e bem-sucedida.

Nesse sentido, a Anbima tem como compromisso apresentar dados e informações sobre os segmentos que representa. Com a apresentação de índices, preços e estudos, ela contribui para uma maior transparência do mercado.

Representar

Como ficou demonstrado, a Anbima é uma associação que representa diversas instituições do mundo financeiro. Sendo assim, é seu papel estimular o diálogo, aproximar essas entidades e melhorar o funcionamento do mercado.

Autorregular

Dissemos que as regras publicadas por essa entidade não podem ser consideradas legais. Em resumo, elas são elaboradas pelo mercado, para o mercado e em favor dele. Portanto, estamos diante de uma função de autorregulação.

Educar

Por fim, um dos fortes compromissos dessa associação é educar quem atua no setor e quem investe. Para isso, além de ofertar programas de certificação e educação continuada, ela está sempre se esforçando para entregar conteúdos educativos e úteis para o cidadão.

Quais são as certificações da Anbima?

No tópico anterior, destacamos que a Anbima também atua para educar o mercado financeiro. Dentro desse compromisso, com o objetivo de incentivar a qualificação, ela oferece certificações para os profissionais de investimento.

Vale lembrar que elas são destinadas a grupos diferentes e são requisitos para que um profissional seja contratado por um de seus associados. Conheça agora um pouco mais de cada uma dessas certificações.

CPA 10

A CPA 10, ou Certificação Profissional Anbima — Série 10, foi desenvolvida para profissionais que atuam com prospecção e venda de produtos de investimento para o público, como colaboradores de instituições financeiras e estudantes.

Essa certificação é fornecida desde 2003 e demonstra que a pessoa é capacitada na área financeira. Vale lembrar que sua validade é de 5 anos para profissionais com vínculo empregatício e de 3 anos para quem não atua nessas entidades.

Para conseguir a CPA 10, o candidato deve acertar 70% de uma prova composta por 50 questões, aplicada em um período de 2 horas.

CPA 20

A CPA 20, ou Certificação Profissional Anbima — Série 20, foi criada para pessoas que trabalham vendendo produtos de investimento ou com a manutenção de carteiras de investimento.

Destaca-se que o profissional com esse tipo de certificação também pode exercer as funções daquele que tem a CPA 10. No entanto, como tem um nível de conhecimento mais aprofundado, ele pode desempenhar outras tarefas dentro do universo das finanças.

Quais são os índices da Anbima?

Além das certificações, a Anbima trabalha com diversos índices econômicos para auxiliar profissionais da área e pessoas que desejam investir. Conhecê-los é um passo importante para tomar decisões mais seguras e produtivas. Veja alguns exemplos!

IMA

O IMA é de grande relevância para quem pretende investir no Tesouro Direto, pois funciona como uma carteira teórica de títulos públicos federais.

IDkA

O IDkA é o índice responsável por mensurar o retorno obtido com uma carteira teórica de ativos públicos federais que têm vencimento constante. Ele tem uma categoria para títulos prefixados e outra para os títulos remunerados pela inflação.

IHFA

O IHFA é o índice que ajuda a analisar os resultados dos fundos brasileiros perante o mercado. Para isso, ele mede o rendimento de uma carteira fictícia composta por fundos escolhidos pela entidade, com validade de três meses.

Agora que você já conhece melhor a Anbima e sua importância para o mercado financeiro, é capaz de entender o quanto essa entidade pode ser útil para quem pretende investir de forma segura e planejada.

Afinal, contar com o apoio de uma instituição séria e voltada para a melhoria desse mercado é uma grande ajuda, não é mesmo?

O que acha de aprender um pouco mais sobre o assunto? Baixe o nosso Guia e descubra como uma consultoria de investimentos pode ser sua aliada!

Luiza Caricati

Luíza Caricati é produtora de conteúdo da Magnetis. Jornalista, tem experiência na área de investimentos, educação e negócios, e lidera nossa estratégia multimídia, traduzindo conteúdos complexos em comunicações didáticas para diversos formatos.

leia mais desse autor