O que é estresse financeiro e por que ele é uma ameaça aos negócios

por Vinicius Vazquez | 26/10/2017

O que é estresse financeiro e por que ele é uma ameaça aos negócios

Lidar com dinheiro é uma tarefa que não é tão simples quanto parece. Prova disso é que mais da metade das famílias brasileiras está endividada, segundo a Confederação Nacional do Comércio (CNC).

De acordo com a pesquisa, os principais problemas estão relacionados ao cheque especial, cartão de crédito, carnê de loja, empréstimo pessoal, prestação de carro e seguro.

Considerando um número tão grande de pessoas com problemas financeiros, você já reparou que a produtividade de uma empresa pode ser afetada quando ela possui muitos colaboradores com essas dificuldades?

Vou mais fundo: você sabe qual é a situação financeira dos colaboradores da sua empresa? Promove alguma iniciativa no sentido de ao menos conscientizá-los da importância de manter as contas em dia?

Um estudo feito recentemente pela consultoria PwC nos Estados Unidos identificou que 53% dos trabalhadores estão estressados a respeito de suas finanças. Essa realidade tende a ser prejudicial também para a saúde das próprias empresas.

Pessoas financeiramente estressadas impactam uma empresa em:

  • Produtividade: 53% dizem que o estresse financeiro interfere em sua habilidade de manter o foco e ser produtivo no trabalho [1];
  • Custos com plano de saúde: 35% das pessoas financeiramente estressadas notaram o impacto dessas preocupações em sua saúde [2];
  • Rotatividade (Turnover): 76% dos financeiramente estressados disseram que seriam atraídos por outra empresa que se preocupasse mais com seu bem-estar financeiro [3].

Sobre problemas de saúde, uma pesquisa recente do SPC Brasil e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), apontou que 69% das pessoas endividadas sofrem de ansiedade. Insegurança (65%), estresse (64%), angústia (61%), desânimo (58%), sentimento de culpa (57%) e baixa autoestima (56%) também aparecem no estudo.

Imagine quanta dor de cabeça uma situação como essa pode dar se for multiplicada por metade dos colaboradores de uma empresa!

Você já imaginou quantas pessoas na sua empresa pode estar nessa situação? 

Problemas financeiros podem comprometer o resultado das empresas

O estresse financeiro não é uma preocupação para os negócios só no Brasil. A questão está no radar de 90% das grandes companhias globais, segundo um estudo de 2015 conduzido pelo Bank of America Merryl Lynch.

Essas empresas entenderam que as consequências dos problemas financeiros dos colaboradores - queda na produtividade, aumento de custos com saúde e rotatividade - podem impactar e muito o seu resultado. Assim, decidiram trabalhar com estratégias para melhorar o bem-estar financeiro de suas equipes.

Um exemplo prático é o da Meredith Corporation, uma empresa americana de mídia que oferece a possibilidade de planos de saúde mais baratos para os funcionários que participam de um curso sobre refinanciamento de hipoteca (empréstimo imobiliário).

O impacto do estresse financeiro na produtividade:

  • 48% das pessoas financeiramente estressadas se distraem no trabalho;
  • 50% gastam três ou mais horas no trabalho por semana para resolver esses problemas;
  • 16% faltam ao trabalho ocasionalmente por conta desses problemas.

Pense na reputação de uma empresa reconhecida por sua preocupação com a saúde financeira de seus colaboradores. Esse fator tem grande potencial não só para diminuir as faltas ao trabalho para cuidar de problemas financeiros. Pode até ser um elemento de peso para atrair e reter os melhores talentos.

Como identificar os sinais do estresse financeiro?

Além dos problemas de concentração e ausência do trabalho, problemas financeiros também podem ser detectados em detalhes como: pedidos frequentes de aumento de salário ou de crédito consignado.

Sabe aquela pessoa que sempre foi competente em suas funções mas, de repente, sua produtividade caiu? Pode ser um problema financeiro.

Sinais como esses se tornaram mais frequentes nos últimos dois anos no Brasil por conta da crise econômica no país. Mas endividamento e descontrole financeiro, infelizmente, não acontecem só em tempos de crise.

Mas é possível medir a saúde financeira de todos os colaboradores de uma empresa?

A boa notícia é que sim. Existem métodos aplicáveis a qualquer empresa, de qualquer porte, que retornam rapidamente um diagnóstico da situação de seus colaboradores.

Aqui na Magnetis, oferecemos não só esse diagnóstico, mas também o primeiro benefício de bem-estar financeiro do mercado brasileiro. Desenvolvemos uma metodologia que poupa tempo tanto do colaborador quanto da empresa interessada em desenvolver um programa para melhorar as finanças dos trabalhadores.

Leia mais: Como identificar o perfil financeiro dos colaboradores da sua empresa

Tudo começa com um questionário que leva apenas alguns minutos para ser preenchido pelos colaboradores. Os resultados são entregues à empresa de forma agregada, separados por quatro perfis financeiros:

  • Insolvente;
  • Gerenciando dívidas
  • Pagando as contas;
  • Poupador.

Ao agregar os dados nesses perfis, garantimos a privacidade de quem participa do programa e ao mesmo tempo entregamos um panorama valioso para a empresa.

Após o diagnóstico, direcionamos os participantes para uma plataforma que os atende de acordo com seu perfil. Isso inclui desde conteúdo multimídia até consultas particulares com profissionais certificados em planejamento financeiro, que montam planos específicos para os colaboradores de acordo com sua situação e seu objetivo.

Leia mais: Como calcular o custo do estresse financeiro para os negócios

É assim que nós tornamos mais fácil investir no bem-estar financeiro de seus colaboradores!

Os resultados, como já mencionamos, podem ser vistos tanto nos primeiros meses desse trabalho como também no longo prazo, com colaboradores e empresas mais conscientes e investindo melhor.

Como um programa de bem-estar financeiro ajudou trabalhadores financeiramente estressados:

  • 52% passaram a manter os gastos sob controle;
  • 43% passaram a se preparar para a aposentadoria;
  • 41% pagaram suas dívidas.

Quer fazer parte dessa revolução na forma de pensar em bem-estar financeiro? Veja mais detalhes na nossa apresentação ou entre em contato conosco! Fique à vontade também para comentar neste post suas dúvidas ou sugestões.

O que é estresse financeiro e por que ele é uma ameaça aos negócios

Vinicius Vazquez é Diretor de Desenvolvimento de Negócios da Magnetis.

O que é estresse financeiro e por que ele é uma ameaça aos negócios
5 (100%) 1 vote[s]