Invista agora
a evolução na edução financeira, conheça a Magnetis.

EWZ: entenda o objetivo deste ETF e qual é a sua importância

Você já ouviu falar em EWZ? Também conhecido como Ibovespa dolarizado, é o maior Exchange Traded Fund (ETF) do Brasil e ganha cada vez mais destaque no mercado financeiro. O EWZ permite investir em ações brasileiras negociadas fora do país, especificamente nos Estados Unidos. Porém, ao contrário do que pode parecer, não se trata de um investimento de risco elevado.

Neste artigo, você saberá como funciona o EWZ, por que ele é importante no cenário econômico e qual é a melhor forma de analisá-lo. Boa leitura!

O que é o EWZ?

O EWZ é um fundo de investimento que usa índices como referência. Entre os ETFs listados na bolsa, é uma aplicação que agrega diferentes tipos de ativos para obter lucros com a compra e venda de cotas.

No caso do EWZ, suas cotas são negociadas tanto na bolsa de valores quanto no mercado de balcão organizado. Ele replica um índice de ações brasileiras negociadas em Nova York, chamado iShares MSCI Brazil Capped, e tenta acompanhar o Ibovespa no Brasil.

Esse fundo, composto por 62 ações, utiliza como critérios o valor de mercado e o percentual de ações liberadas para negociação. Sua pontuação é forte em relação às ações financeiras, com peso de até 33%.

O EWZ detém ainda algumas das maiores empresas brasileiras, como Itaú, Petrobras, Vale e Bradesco. Portanto, para quem deseja investir no país, esse ETF é uma das opções que oferece mais exposição ao segmento de grandes capitalizações.

biblioteca financeira

Quando ele surgiu?

A história dos ETFs começou nos Estados Unidos, ao final da década de 80. No início, esses fundos apenas reproduziam um índice de ações de um mercado específico. Foi a partir do desenvolvimento de indústrias que os Exchange Traded Funds ganharam notoriedade.

Com o passar dos anos, começaram a replicar índices de ações de múltiplos países e múltiplas localidades. Entre os investimentos que se tornaram comuns, o ETF de renda fixa é um dos mais conhecidos. Os índices de commodities, que englobam petróleo, ouro, ferro, entre outros materiais, também expandiram com o tempo.

Antes conhecido como World Equity Benchmark Shares (WEBS), o fundo iShares MSCI, ou EWZ, teve sua origem no mercado em 1996. A partir de então, tornou-se o maior ETF do Brasil.

Por que ele é importante?

O EWZ é utilizado como uma espécie de termômetro da demanda internacional pelas ações brasileiras. Isso, junto à análise do Ibovespa, é fundamental para entender o comportamento do mercado financeiro. Por ser o maior ETF brasileiro, também representa corporações de grande peso na bolsa de valores.

Acompanhar o desempenho desse ETF quando a bolsa brasileira está fechada também permite obter indícios sobre a abertura do Ibovespa no pregão seguinte. Isso contribui para a previsão de oscilações, como o recuo em algumas ações. A liquidez do EWZ é diária e negociada da mesma forma que os papéis. Logo, ele pode ser comercializado durante todo o pregão.

Apesar de ser um índice em moeda estrangeira, os ativos são em reais, assim como o BBSD11. Dessa forma, os traders tendem a ficar de olho na alta dos índices do Ibovespa e nas oscilações do dólar.

A importância do EWZ reside também no mercado internacional. Em dias de tensão e instabilidade, ou até mesmo em feriados nacionais, é comum que as atenções sejam voltadas ao ETF nos Estados Unidos. São maneiras de predizer quais serão os movimentos dos papéis aqui no Brasil.

Por exemplo: quando a barreira da mineradora Vale rompeu em Brumadinho (MG), em 25 de janeiro de 2019, era feriado na cidade de São Paulo. Naquela data, a bolsa estava fechada e muitas pessoas ficaram de olho nos ativos brasileiros — como o EWZ — pela bolsa norte-americana.

Como é composta sua carteira?

A carteira do EWZ é composta por 98,85% de ações em seu portfólio. Veja, a seguir, a estrutura dos investimentos separada por áreas.

Principais coeficientes do setor

  • financeiro: 34,38%;
  • energia: 13,83%;
  • matéria-prima: 12,43%;
  • consumo não cíclico: 12,41%;
  • indústria: 54%;
  • consumo cíclico:7,16%;
  • serviços: 6,14%;
  • saúde: 2,57%;
  • serviços de comunicação: 2,55%.

Em média, são 62 empresas brasileiras que englobam a carteira do EWZ. Na sequência, conheça as 10 principais, suas siglas no pregão e as porcentagens no total de ativos do índice.

Empresas que fazem parte do fundo

  • Vale SA (VALE3.SA): 10,59%;
  • Itau Unibanco Holding SA Participating Preferred (ITUB4.SA): 8,73%;
  • Bank Bradesco SA Participating Preferred (BBDC4.SA): 6,46%;
  • B3 SA – Brasil Bolsa Balcao (B3SA3.SA): 5,33%;
  • Petroleo Brasileiro SA Petrobras Participating Preferred (PETR4.SA): 4,46%;
  • Ambev SA (ABEV3.SA): 4,12%;
  • Petroleo Brasileiro SA Petrobras (PETR3.SA): 3,90%;
  • Itausa Investimentos ITAU SA Participating Preferred (ITSA4.SA): 2,77%;
  • Magazine Luiza SA (MGLU3.SA): 2,49%;
  • Weg SA (WEGE3.SA): 2,48%.

O MSCI apresenta ao menos 95% de seus ativos em valores mobiliários de seu índice subjacente. É ponderado pela capitalização de mercado e ajustado por flutuação livre. O EWZ também não é diversificado e ocupa o 55º lugar em todos os fundos cobertos pela MSCI ESG Fund Ratings.

como investir na bolsa de valores

Como analisar o EWZ?

O EWZ pode ser analisado por meio de gráficos de índice, da mesma forma que o FIXA11, por exemplo. É necessário avaliar dois fatores: as variações do Ibovespa e do câmbio. Conhecendo a metodologia de formação do índice, é possível saber de que forma o EWZ opera e quais são suas vantagens.

A variação do dólar influencia o resultado desse ETF. Se a moeda disparar, o EWZ cai. No entanto, se o dólar cair e o Ibovespa andar de lado, o EWZ sobe. Observar essa dinâmica ajuda a compreender o fundo e a realizar uma análise certeira.

Os ETFs são opções interessantes aos que buscam diversificação na carteira de investimentos. Independentemente do seu perfil, conhecer o mercado de ações é uma porta de entrada para aprender a valorizar seu capital. Em vez de se restringir à poupança, aprofundar-se nos temas do mercado financeiro pode ser uma escolha mais rentável.

O EWZ é um índice destinado a estrangeiros, mas também é uma alternativa proveitosa aos brasileiros. Agora que você já sabe como ele funciona e qual sua origem, nada melhor do que contar com apoio profissional para ajudar você a investir. Baixe gratuitamente o nosso Guia de Consultoria de Investimentos e saiba como aplicar seu capital da maneira correta!

Mariana Congo

Mariana Congo é Gerente de Comunicação da Magnetis e jornalista especializada em finanças pessoais.

leia mais desse autor