Título de Capitalização – Glossário Financeiro

O que são títulos de capitalização?

O título de capitalização é um produto financeiro regulado pela Susep (Superintendência de Seguros Privados) que une características de "loteria" (por causa dos sorteios) com "poupança".

Quem compra um título de capitalização faz aportes periódicos com o intuito de guardar dinheiro e participar de sorteios de prêmios.

O título de capitalização não é um tipo de investimento nem de poupança. O dinheiro resgatado ao final do período será sempre inferior ao que teria rendido na poupança. De acordo com a Susep:

Seu capital de resgate será sempre inferior ao capital constituído por aplicações idênticas na caderneta de poupança, já que, dos pagamentos efetuados num título, desconta-se uma parte para custear as despesas administrativas das Sociedades de Capitalização e, quando há sorteios, uma parcela para custear as premiações.

Existem três opções de compra de títulos de capitalização:

  • Pagamento Único (PU);

  • Pagamento Mensal (PM),

  • Pagamento Periódico (PP).

Desses valores, são descontados o valor do prêmio e as taxas administrativas das empresas que fornecem os títulos de capitalização. Sobre o capital aplicado geralmente há a correção pela taxa referencial (TR) ou por outro índice da inflação. Tudo isso deve ficar claro na oferta do título de capitalização.

Tipos de títulos de capitalização

Conheça os quatro tipos de títulos de capitalização:

- Tradicional: no final do prazo de vigência do contrato, o titular resgata pelo menos o valor total que foi aplicado ao longo dos pagamentos, desde que não tenha tido atraso em nenhum depósito.

- Popular: a ideia é participar dos sorteios que possuem prêmios atrativos, mesmo que a devolução integral do valor investido não seja possível. Normalmente, é realizado um sorteio a cada semestre. O pagamento se encaixa nas três categorias citadas acima e fica a cargo do comprador decidir qual o melhor caminho;

- Compra programada: se optar por esse título de capitalização, você irá preencher uma ficha de cadastro e apontar se quer receber o valor guardado ou um serviço específico ao término do contrato;

- Incentivo: está intimamente ligado a eventos promocionais de incentivo estabelecidos por empresas.

Vantagens e desvantagens

Há quem diga que a vantagem do título de capitalização é que você pode investir com um valor baixo e garantir a recuperação dele ao término do contrato. Isso seria benéfico nos casos em que você não é muito bom em poupar seu dinheiro.

Entretanto, como dito no início do texto, o título de capitalização não é considerado um investimento. Suas desvantagens superam qualquer possível vantagem. Ele rende menos que a poupança e em vários casos há carência, ou seja, você perde ainda mais dinheiro se fizer um resgate antecipado.

Rentabilidade

A rentabilidade para títulos de capitalização é baixa, na maior parte das vezes, há apenas uma correção do valor pela inflação. Não é um produto interessante para quem deseja construir patrimônio. O título de capitalização é muito mais uma "loteria" do que uma aplicação financeira.

Tempo de resgate

Que opta pela compra de títulos de capitalização deve ficar atento em relação ao tempo de resgate, que geralmente acontece após 12 meses - mas, que varia de acordo com o título contratado. Caso o prazo não seja cumprido, o investidor pode perder até 10% do total do rendimento dos ativos naquele período.​

Quer saber qual a melhor forma de investir o seu dinheiro? Entre em contato conosco e descubra os tipos de investimentos da Magnetis!​