Sabia que é possível investir no Brasil morando no exterior? Entenda melhor

por Mariana Congo | 17/06/2019

Investir no Brasil morando no exterior: saiba como
curso de investimento

Você vive em outro país e quer investir no Brasil? Saiba que isso é perfeitamente possível e é algo até mais simples do que você imagina. No entanto, é importante entender algumas regras antes. Assim, você terá mais facilidade para investir no Brasil morando no exterior.

O nosso país atrai bastante a atenção de investidores estrangeiros, principalmente por causa das taxas de juros dos investimentos de renda fixa.

Apesar de a nossa taxa de juros ser hoje a menor da história recente, o Brasil ainda é um dos países que paga o maior juro real do mundo. Vamos falar sobre isso mais adiante.

Quer saber como investir no Brasil morando fora? Continue conosco para descobrir tudo sobre o assunto!

É possível investir no Brasil morando no exterior?

Sim, é possível investir no Brasil morando no exterior, mas há algumas condições. A principal delas diz respeito ao domicílio fiscal.

O domicílio fiscal é o endereço do contribuinte e aponta para qual governo ele deve pagar impostos. Quando se trata de pessoa física, o domicílio fiscal é a residência ou a sede de suas atividades comerciais. Já para as empresas (pessoas jurídicas), o domicílio fiscal é o endereço da sede da organização.

Saber em qual condição você se enquadra é fundamental, pois isso determina qual procedimento você deve seguir. Vamos ver como agir em cada um dos casos a seguir.

Brasileiro não-residente

Quando um brasileiro vai morar fora do país e não tem planos de voltar, ele deve comunicar a saída definitiva para a Receita Federal.

Assim, não terá mais a obrigação de entregar a declaração anual de Imposto de Renda e seu domicílio fiscal passa a ser no país para o qual a pessoa se mudou. Este é o caso do brasileiro não-residente.

No entanto, basta simplesmente permanecer fora do país por mais de 1 ano sem interrupções para ser considerado um brasileiro não-residente.

Um brasileiro não-residente é tratado como estrangeiro. Dessa forma, não pode mais abrir uma conta bancária comum no Brasil.

É possível ter uma Conta de Domiciliado no Exterior (CDE) no país, mas é preciso justificar qualquer movimentação acima de R$ 10 mil.

O brasileiro não-residente também está sujeito à tributação diferenciada para IOF e Imposto de Renda.

Brasileiro residente

Muitas pessoas saem do Brasil para estudar, trabalhar ou tirar um ano sabático. Essas pessoas pretendem voltar ao país ou não sabem ainda qual será seu domicílio definitivo.

Como nesses casos, elas não costumam comunicar saída definitiva ao Fisco, elas continuam sendo brasileiros residentes.

É claro, vale prestar atenção às regras do Fisco. Se você quiser continuar sendo brasileiro residente, basta voltar ao país antes de sua saída completar um ano.

Quem se mantém como residente pode investir no Brasil morando fora normalmente, da mesma maneira que aqueles que vivem no país.

Assim, é possível manter uma conta bancária e abrir conta em uma corretoras de valores, que é o primeiro passo para investir.

Como investir no Brasil morando fora?

Como vimos, existem algumas diferenças entre brasileiros que moram fora do país. Elas são determinantes para dizer quem já pode abrir uma conta em uma corretora e começar a investir e quem precisa fazer um processo diferenciado.

A seguir, vamos ver como os brasileiros em cada uma das condições que listamos podem investir seu dinheiro.

Como um brasileiro residente pode investir no país?

Aplicar dinheiro no Brasil como um investidor residente é simples. O processo é o mesmo que deve ser feito pelas pessoas que vivem no país:

  • ter uma conta corrente registrada em seu nome e CPF;
  • abrir uma conta em uma corretora;
  • fazer uma análise do seu perfil de investidor (suitability);
  • escolher os melhores investimentos para você.

Dessa forma, é possível manter contas em instituições brasileiras e acompanhar seus investimentos pela internet a partir de qualquer lugar do mundo.

Hoje, graças às fintechs, qualquer pessoa pode contar com o apoio de especialistas a qualquer momento. E o melhor: não é preciso ter muito dinheiro para investir. Na Magnetis, por exemplo, você pode começar com R$ 1 mil.

Veja mais: Comece a investir com a Magnetis a partir de R$ 1 mil! Monte grátis o seu plano de investimentos

Como um brasileiro não-residente pode investir no país?

Como já mencionamos, os brasileiros que optaram pela saída definitiva do país são tratados como estrangeiros.

Segundo o Banco Central do Brasil, essas pessoas podem investir no Brasil, desde que tenham uma conta diferenciada (a CDE), informem suas transações ao BC. Outra exigência é que essas pessoas tenham registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A partir daí, essas pessoas podem abrir conta em uma corretora que atua junto à B3 (a bolsa de valores brasileira) e que aceite cadastros de investidores estrangeiros.

Mas há uma alternativa: investir em ativos brasileiros no exterior de forma indireta. Isso é possível por meio de:

  • fundos de investimento que compram ativos brasileiros;
  • fundos de dívida pública brasileira (bonds);
  • ETFs que replicam índices brasileiros: o BOVA11, por exemplo, reproduz o comportamento do Índice Bovespa;
  • ADRs (ações de empresas brasileiras listadas em bolsas de valores no exterior).

Por meio desses tipos de investimento, é possível investir no Brasil sem ter de enviar dinheiro para o país ou abrir uma conta em bancos nacionais.

O que observar antes de investir no Brasil?

As aplicações financeiras nos países mais desenvolvidos costumam apresentar rentabilidade menor do que as feitas no Brasil.

Como mencionamos no início do texto, o Brasil é um dos países que paga o maior juro real do mundo. Isso significa que, mesmo considerando a inflação, a rentabilidade do investimento é maior.

Além disso, o risco também é reduzido. Os títulos do Tesouro Direto, por exemplo, são o investimento mais seguro do país e entregam rendimento até maior do que a taxa básica de juros brasileira (a Selic).

Dessa forma, quem quer investir no Brasil morando fora tem diversas opções à sua disposição. Basta escolher aquela que melhor se encaixa no seu perfil e atende os seus objetivos financeiros.

Quer saber mais sobre os tipos de investimentos que existem no mercado brasileiro? Baixe grátis o nosso ebook Guia Completo sobre os Tipos de Investimento e tire suas dúvidas!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Avaliar o post
curso de investimento