Conheça as 6 pessoas mais ricas do Brasil e como elas investem

por Malena Oliveira | 24/05/2019

pessoas ricas brasil

Não há como negar que o Brasil é um país de vários contrastes. Embora lide com um cenário de intensa desigualdade social, alguns empresários se destacam em diversos ramos de negócio.

Hoje, cerca de 170 brasileiros possuem um patrimônio legal que seja igual ou superior a 1 bilhão de reais. De fato, para muitos, essa é uma realidade difícil de ser alcançada. Afinal, esse é um valor alto, fruto de heranças e investimentos certeiros.

Mas é impossível negar que esses são excelentes exemplos que servem como inspiração para cumprir metas e objetivos financeiros. Além, é claro, de aprender com grandes experiências o caminho certo para se obter o sucesso.

Conhecer essas histórias é uma forma de entender a importância de administrar seu dinheiro: não é preciso ter muito, mas começar a aplicá-lo o quanto antes é essencial.

Quer conhecer as pessoas mais ricas do Brasil e entender como elas alcançaram esse posto? Acompanhe a lista desse artigo para ler sobre algumas trajetórias marcantes que com certeza servirão como guia para seus próximos passos.

1. Jorge Paulo Lemann, fundador do banco Garantia

Desde 2016, o empresário Jorge Paulo Lemann encabeça a lista de pessoas mais ricas do Brasil. Hoje, ele está no comando da AB InBev, uma fabricante de bebidas, do fundo 3G Capital, que engloba empresas como Burger King e Heinz, e da B2W, responsável pelas Lojas Americanas e Submarino. Seu patrimônio é estimado em 29,2 bilhões de dólares.

Em relação à lista de bilionários a nível mundial, Lemann ocupa o 35º lugar. Seus negócios iniciaram-se com a criação do banco Garantia. Posteriormente, ele decidiu expandir seus investimentos para a cerveja, o que deu muito certo.

Com o retorno obtido, abriu junto a Marcel Herrmann Teles uma imensa rede de empresas. Sua atuação, hoje, se dá até mesmo no setor imobiliário. 

2. Joseph Safra, fundador do Banco Safra

Importante na lista das pessoas mais ricas do Brasil, Joseph Safra é dono do Banco Safra. Nasceu no Líbano, mas foi naturalizado como brasileiro. Hoje, seu patrimônio está na casa dos 23,5 bilhões de dólares.

Sua família, em especial seus filhos, também administra bancos em outros lugares ao redor do mundo, como Suíça e Estados Unidos.

Além disso, Safra adquiriu na Europa e em território americano inúmeras propriedades imobiliárias para investimento.

Seus negócios se expandiram para o ramo da exportação de bananas: ele tem uma gorda participação na Chiquita Brands International. Ele e João Paulo Lemann disputam com frequência o posto de primeiro lugar em listas como esta.

3. Irmãos Sales, herdeiros do Unibanco

Fernando Salles é um dos herdeiros do Unibanco, que acabou por se fundir com o banco Itaú. Contudo, ele e seus irmãos permaneceram parcialmente no controle desse novo banco.

Visionário, Fernando optou por investir na CBMM, uma mineradora. Sua principal atividade é extrair nióbio, um dos minerais indispensáveis no ramo de construção civil. Sua fortuna está estimada em 5 bilhões de dólares.

Seu irmão, Pedro Moreira Salles, hoje atua como presidente do Conselho de Administração do Itaú Unibanco. Mas seu patrimônio de 5,1 bilhões de reais também envolve o controle de várias outras empresas brasileiras.

A família também conta com 5 bilhões do montante pertencente a João Moreira Salles. Diferente dos outros dois irmãos, ele decidiu seguir carreira no mundo do cinema e hoje tem seu nome gravado em produções e documentários premiados.

Por fim, Walther Salles fecha a linha desses herdeiros. Assim como João, sua fortuna continua fomentada no cinema. Diretor renomado, é responsável por obras famosas, como Abril Despedaçado e Diários de Motocicleta.

4. José João Abdalla Filho, acionista majoritário de várias estatais

Conhecido como Juca Abdalla, o bilionário teve como pai J.J. Abdalla. Se você já ouviu este nome, sabe que ele foi o grande responsável por impulsionar o setor têxtil no Brasil, além de atuar como político e fundar dois diferentes bancos. Juca, então, deu prosseguimento ao trabalho de sucesso do pai antes e depois de sua morte.

Abriu o banco Clássico e decidiu ser acionista majoritário de algumas das mais importantes empresas estatais. Como, por exemplo, a Eletrobrás, a Cemig e a Petrobrás. Seu patrimônio gira em torno de 3,4 bilhões de dólares.

5. Abílio Diniz, responsável pelo Grupo Pão de Açúcar

No setor varejista, o nome que se destaca entre as pessoas mais ricas do Brasil é o de Abílio Diniz. Sua fortuna é de 3,1 bilhões de dólares.

Tudo começou com sua atuação no grupo Pão de Açúcar, fundada por seu pai em 1948 como uma simples doceria, que posteriormente rendeu a inauguração de um supermercado em 1959.

Décadas depois, o grupo se transformou na Companhia Brasileira de Distribuição, a maior varejista no território brasileiro, e cujas últimas ações foram vendidas por Diniz em 2014.

Em 2016, o empresário se posicionou como um dos maiores acionistas individuais do Carrefour, fazendo seu dinheiro continuar a girar e render admiravelmente.

6. Eduardo Saverin, cofundador do Facebook

Pouca gente sabe, mas Eduardo Saverin é um dos cofundadores do Facebook. Ainda que sua participação seja minoritária, hoje sua fortuna acumula 9,7 bilhões de dólares.

Saverin detém a maior parte de sua riqueza, mas também destina seu foco de investimento em capital de risco.

Sua família já possuía um patrimônio considerável quando, na adolescência, ele se mudou para o Estados Unidos. A partir disso, conheceu os outros cinco responsáveis pela rede social e concentrou seus esforços nessa área.

No ano de 2012, o empreendedor renunciou à cidadania americana e agora vive em Cingapura. Ainda assim, não deixou seus negócios de lado.

Conseguiu identificar o que as pessoas mais ricas do Brasil têm em comum? A habilidade de realizar investimentos inteligentes.

Seu dinheiro jamais fica parado, e ter uma boa quantia em mãos não é motivo para deixá-la parada.Se você tem uma reserva, estude a melhor forma de separar parte dela para multiplicar.

Nesse contexto, é interessante frisar mais uma vez que ter dinheiro a partir de rendimentos de um patrimônio é possível para começar a adotar uma consciência financeiramente inteligente.

Se você quer saber como se planejar para viver de renda, descubra os 4 passos para fazer isso da forma correta. 

Luciano

Malena Oliveira é jornalista especializada em Finanças Pessoais e redatora na Magnetis.

Conheça as 6 pessoas mais ricas do Brasil e como elas investem
1 (20%) 3 vote[s]