Entenda quando e como gerar rentabilidade com seu planejamento de aposentadoria, para descansar e curtir os frutos de uma atitude de cuidado de si mesmo e de sua família.
Invista agora
a evolução na edução financeira, conheça a Magnetis.

Você pode investir de um jeito melhor, e nós podemos provar.

Baixe o app!

Planejamento de aposentadoria: saiba como a Magnetis pode te ajudar!

A ansiedade pelo fim da vida é uma das preocupações mais constantes no ser humano, embora nem todos se planejem para evitar problemas ou para se manter com qualidade de vida a longo prazo – como planejar a aposentadoria, por exemplo.

Cuidar da saúde física e mental, prezar pela família e pela condição financeira são importantes tópicos no que se diz respeito ao planejamento de vida – mas ainda assim, o planejamento de aposentadoria é negligenciado ou levado para segundo plano.

Planejar sua aposentadoria é importante para evitar justamente imprevistos temidos com o passar dos anos (incluindo aqueles diretamente relacionados à sua qualidade de vida): afinal, uma boa organização financeira, baseada em objetivos a longo prazo, pode proporcionar uma aposentadoria tranquila e estável, sem problemas financeiros, com facilidade para aproveitar o lazer e cumprir todos os compromissos.

Devido a mudanças recentes nas leis, como a Reforma da Previdência, a realidade de uma aposentadoria digna provida pelo Estado é cada vez mais distante. Sem um planejamento, é muito provável que se trabalhe a vida inteira e se receba pouco por isso, no final da vida.

Quem deseja se programar desde já e iniciar um planejamento de aposentadoria tem, geralmente, duas opções que são complementares entre si: investimentos financeiros e previdência privada.

Nessa publicação, explico um pouco de cada contexto e como iniciar, ainda hoje, um planejamento de aposentadoria que realmente trará estabilidade para o seu eu do futuro!

Previdência pública ou privada: qual escolher?

A escolha pelo melhor planejamento de aposentadoria envolve algumas opções para quem deseja garantir um futuro mais seguro e confortável.

Na previdência pública, ou social, os benefícios são pagos em um sistema tripartite – em três divisões: pela empresa contratante, pelo próprio trabalhador e pelo Governo Federal (por meio de impostos, ao longo dos anos de serviço) –, com o intuito de oferecer aposentadoria a todos os cidadãos contribuintes do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), isto é, os trabalhadores formais.

Todo contribuinte, somando 62 anos de idade para as mulheres e 65 anos para os homens, tem direito a aposentadoria pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) com tempo de carência mínimo de recolhimento de 15 e 20 anos, respectivamente.

Esse é um imposto obrigatório pago por qualquer trabalhador formal para concessão do benefício para aposentadoria.

Já na previdência privada, o investimento é feito de forma complementar à social. Como as regras da previdência social incluem um teto para pagamentos, o planejamento de aposentadoria contando com a previdência privada é uma boa alternativa para profissionais que ganham acima desse limite no benefício.

Ela funciona com aportes periódicos, que definirão a quantia final acumulada, para servir de benefício de aposentadoria ou para complementar o recebido pela previdência social. 

Existem diversos tipos de previdência oferecidas por corretoras de valores e que podem, inclusive, servir para outros fins e objetivos de longo prazo.

A escolha por seu planejamento de aposentadoria dependerá muito dos seus objetivos e organização financeira: a forma com que você aplica seu dinheiro hoje, e como ocorrerá esse retorno, é o que define resultados estáveis no futuro e em sua aposentadoria.

Assim, é preciso arrumar a casa e focar, com disciplina, na organização financeira e no direcionamento correto a dar ao seu dinheiro.

Princípio básico para aposentadoria: saiba poupar seu dinheiro

O planejamento de aposentadoria, como em qualquer previdência ou investimento, é uma forma de poupar dinheiro, de modo periódico e constante, para resgatar esse benefício em forma de renda no futuro.

Dessa forma, saber como investir de forma rentável e se planejar para não exceder gastos além da renda é o primeiro passo para juntar uma boa quantia e aplicar para sua aposentadoria.

As 5 etapas de economia do dinheiro que toda pessoa que está pensando em investir no planejamento de aposentadoria deve seguir são:

1. Inicie o quanto antes

Quanto mais cedo você começar a poupar seu dinheiro e realizar o investimento desse capital, mais rendimento você terá com o passar dos anos e ao se aposentar – além de contar com a matemática dos juros compostos atuando sobre a quantia, o que a tornará ainda mais rentável com o passar do tempo.

2. Organize sua situação financeira

Tenha um controle financeiro assertivo: anote gastos, defina objetivos financeiros e calcule, de forma específica, a quantidade de dinheiro a investir para a aposentadoria ou em uma carteira de investimentos.

Um maior controle financeiro representa mais dinheiro disponível para investimentos – e um retorno ainda melhor no futuro.

3. Entenda a previdência pública como um complemento

Você não pode evitar contribuir ao INSS e, consequentemente, receber sua aposentadoria pelo governo: o mais interessante é contabilizar todos os cálculos em sua organização financeira e contar com essas despesas agora, além do futuro retorno da previdência social – aceitando-o como uma parte de seu planejamento para aposentadoria.

4. Escolha bem seus investimentos

O dinheiro acumulado e bem poupado ao longo de anos, com muita disciplina, precisa ser aplicado de forma assertiva em ativos e em uma carteira diversificada, com geração de rentabilidade, proporcionando o alcance dos objetivos de cada investidor.

Investimentos em renda fixa e variável são algumas boas opções para iniciar a diversificação e rentabilidade de sua carteira. Nesse contexto, você pode buscar o apoio de gestoras de investimentos, como a Magnetis, para montar e administrar os seus objetivos de investimento ou aposentadoria!

5. Planeje a longo prazo e aproveite os juros compostos

Seu planejamento de aposentadoria deve contar com objetivos claros e específicos, com a espera de retornos a médio e longo prazo: a rentabilidade do investimento deve ser calculada apenas para o momento da aposentadoria.

Com ativos rendendo por um período mais longo, a rentabilidade tende a ser maior e sofrer mais impacto pelos juros compostos em relação ao tempo.

Essa ação dos juros compostos é positiva para o rendimento – já que os juros de cada mês são agregados ao capital investido –, fazendo o valor crescer mais rapidamente.

Juros compostos: como usá-los a seu favor? 

Especificamente para os investimentos, a ação de juros compostos em relação ao tempo é excelente para os rendimentos – visto que, quanto maior o tempo se mantenham os ativos, mais juros compostos irão sofrer, tendo a rentabilidade aumentada gradativamente.

Pense em seu planejamento de aposentadoria rendendo com juros compostos: se sofresse juros simples, a taxa seria aplicada apenas no valor inicial investido. Já nos juros compostos (com impacto de tempo, principalmente), o rendimento é muito maior.

A simulação abaixo demonstra um valor inicial de R$ 10.000 investidos e um aporte mensal de R$ 1.000 com taxa de juros em 2%. Observe a rentabilidade gerada em um período de 20 anos com esse capital investido:

Leia também:

Isto ocorre porque, nos juros compostos, a taxa é aplicada e calculada sobre o valor do último mês, incluindo os efeitos de juros anteriores. Assim, o conhecido juros sobre juros pode ser um excelente mecanismo para gerar renda no seu planejamento de aposentadoria.

Quanto maior o tempo, mais rentabilidade advém dos efeitos dos juros. Sendo assim, incluir a possibilidade de lucrar com os juros compostos em seu planejamento é uma atitude inteligente a se tomar, que trará ganhos futuros significativos.

Saiba calcular a relação de impacto do tempo nas taxas de juros e o que isso trará de rentabilidade para seus investimentos, assim como para seu uso na aposentadoria.

A Magnetis conduz você ao melhor planejamento de investimentos para sua aposentadoria!

Se você quer iniciar seu planejamento de aposentadoria, escolher uma gestora de investimentos como a Magnetis é uma excelente saída para concentrar seus investimentos e garantir rentabilidade com o passar do tempo.

A Previdência Magnetis é completa, contando com as melhores opções de aplicação e com rentabilidade superior às previdências privadas dos bancões: com uma taxa única de 0,6% ao ano, seu investimento rende muito mais, para garantir sua tranquilidade na aposentadoria.

Em parceria com a Icatu, gigante do setor de seguros, a Magnetis oferece a melhor opção para seu planejamento de aposentadoria.

Confira os rendimentos e todas as informações de investimento a qualquer momento pelo seu smartphone, acompanhando o principal objetivo de qualquer planejamento: foco em você, na sua qualidade de vida e no conforto de sua família!

Escolha uma previdência que atenda suas necessidades e que permita o acesso aos melhores ativos, para uma carteira diversificada e verdadeiramente rentável: comece agora seu planejamento clicando aqui.

Andressa Siqueira, CFP®
Andressa Siqueira, CFP®

Formada em Economia pela PUC-SP, é analista de conteúdo, especialista em investimentos na Magnetis desde 2019. Possui as certificações CEA pela ANBIMA e de planejadora financeira CFP®, trabalha no mercado financeiro há mais de 8 anos.

leia mais desse autor