Qual a importância da resiliência para o sucesso financeiro?

por Malena Oliveira | 29/04/2019

Qual a importância da resiliência para o sucesso financeiro?

A resiliência é uma atitude mental que faz com que você se tenha mais persistência em relação às adversidades. Dessa forma, é possível adotar uma postura mais ativa e organizada em sua vida. 

Quando bem desenvolvida, essa habilidade pode se estender para questões pessoais e profissionais. Isso porque uma pessoa resiliente não se desespera diante dos problemas, ela espera o momento certo para agir. 

No mundo dos negócios, é fundamental aprender a resistir quando necessário e saber o momento certo de atuar. Afinal, para obter sucesso financeiro, é necessário manter a calma, encarar os problemas e tomar decisões com sabedoria.

Achou interessante? Continue lendo e entenda a importância da resiliência para alcançar o sucesso financeiro.

O que é resiliência?

Na Psicologia, resiliência significa a habilidade de resistir às inúmeras situações adversas que ocorrem diariamente, sem que o emocional do sujeito seja profundamente afetado.

Originalmente, a expressão está relacionada à capacidade dos materiais de resistir às pressões sofridas e retornar sem danos ao seu estado de origem.

O conceito é baseado em algumas habilidades na maneira de viver e de se relacionar socialmente, como: 

  • confiança em si;
  • capacidade de analisar o contexto;
  • autocontrole;
  • empatia;
  • observação do próximo;
  • otimismo;
  •  propósito de vida;
  •  conquista e manutenção das relações pessoais.

Uma pessoa resiliente aceita a realidade, analisa sua parcela de responsabilidade nos acontecimentos e toma as atitudes necessárias para solucionar a questão. 

No caso de um problema que esteja além das suas possibilidades, o indivíduo apenas encontra uma forma de sobreviver à crise e aguarda a poeira baixar para conferir os danos, para finalmente recomeçar.

É fácil se desesperar e tomar atitudes precipitadas diante de uma grande perda. Por exemplo, assumir uma atitude derrotista diante de uma crise no mercado.

Nesses cenários, as pessoas resilientes conseguem analisar a situação estrategicamente e extrair dela o melhor resultado possível. É por isso que a resiliência é fundamental na obtenção de sucesso financeiro. Veja mais:

Qual a importância da resiliência para o sucesso financeiro?

Há quem diga que, no mundo corporativo, a resiliência pode ser ainda mais importante que o talento.  

Isso porque, por muitas vezes, é necessário conviver com chefes desagradáveis, equipes complicadas, situações de crise, emergências e momentos em que o mundo parece que vai desabar.

Nesses momentos, é muito comum que as pessoas joguem tudo para o alto ou tomem decisões que, se analisadas com calma, não seriam as melhores alternativas.

Essas adversidades podem ser utilizadas para aprendizado, revisão de suas atitudes e se fortalecimento para lidar melhor com futuros problemas. Assumindo você mesmo as rédeas da sua vida, é possível avançar em um caminho onde as pessoas tendem a ficar para trás.

Não importa se você perdeu uma promoção ou se um grande investimento deu errado. Respire fundo, analise a situação e comece novamente. Ter confiança em sua própria capacidade de se reinventar contribui bastante para uma atitude resiliente.

Não importa o que aconteça, você entende que na hora certa vai saber o que fazer: isso é ser resiliente.

Como aplicar essa competência na sua vida financeira?

No que se refere à sua vida financeira, o autocontrole e a autorresponsabilidade são as principais atitudes a serem desenvolvidas.

Pense na seguinte situação: você está guardando dinheiro para um projeto importante. Porém, no decorrer do processo você é submetido a diversas situações estressantes que o desviam desse caminho. 

Nesses momentos, é realmente difícil não ceder à tentação. Quando se percebe que não será possível atingir seu objetivo, muitas pessoas colocam a culpa na família, no estresse ou no trabalho. 

“Se eu ganhasse mais, se meus filhos não gastassem tanto (...)” e por aí segue a lista de justificativas. No entanto, provavelmente o único responsável pelo eventual fracasso foi você mesmo.O autocontrole permite que você consiga resistir e manter o foco em situações de grande sobrecarga emocional e conflitos. 

Ser resiliente é saber que o caminho será difícil, mas conseguir não ceder àquela viagem que todo mundo faz ou à oferta imperdível — e caso seja tomado pelo impulso de gastar mais do que devia, ser capaz de admitir isso, pagar o preço e começar novamente.

Saiba como definir objetivos claros

Não tem jeito: se você quer ter sucesso, precisa definir metas e objetivos. Sem isso, é quase impossível ter foco e direção.

Esse passo não só permite que você assuma o controle da sua vida, mas também lhe traz uma referência para entender se de fato está obtendo êxito.

Só que, para definir objetivos claros, você não pode simplesmente dizer “eu quero isso” e esperar que algo aconteça magicamente.

A definição de metas é um processo que começa com uma avaliação cuidadosa do que você deseja alcançar e termina com muito trabalho para fazer a coisa toda virar realidade.

Ou seja, ter objetivos claros, além de preparar seu caminho para ter sucesso, ajuda a manter a disciplina. 

Mude hábitos financeiros e poupe para o futuro

É claro que no começo vai ser bastante difícil, afinal, nosso cérebro foi feito para encontrar justificativas para os nossos erros. Entretanto, se você deseja obter sucesso financeiro, é importante criar mecanismos para se livrar dos antigos hábitos e substituí-los por novos.

Para começar, evite comprar a prazo. Esse hábito faz com que você nunca tenha suas receitas integralmente disponíveis. Dessa forma, como o dinheiro está sempre faltando, você fica mais propenso a fazer novas dívidas, sendo impossível economizar.

Ao comprar à vista, além de evitar esse ciclo infinito, você consegue bons descontos. Afinal, é bem mais doloroso tirar do bolso o valor integral do produto do que parcelar em suaves prestações, não é mesmo?

Comprar à vista também faz com que você se planeje para comprar algo, evitando as compras por impulso.

Evite atitudes e pensamentos pessimistas. Eles fazem com que você desista de tentar, achando que não vai conseguir. Se não deu certo dessa vez, analise o que fez de errado e tente novamente. Teste novas estratégias e não tenha vergonha de pedir ajuda.

Com relação à sua atitude com o próprio dinheiro, sendo resiliente você consegue colocar seus objetivos à frente dos impulsos e desejos. Por mais que seja chato perder aquele passeio do fim de semana, por exemplo, você sabe que no futuro valerá a pena.

A resiliência é uma habilidade fundamental para o sucesso financeiro. Com ela você consegue suportar situações complicadas, manter o foco nos objetivos, analisar o que deu errado e criar novas estratégias de atuação.

E aí? Pronto para mudar de atitude? Continue com a gente e descubra como alcançar seus objetivos financeiros.

Luciano

Malena Oliveira é jornalista especializada em Finanças Pessoais e redatora na Magnetis.

Avaliar o post