Invista agora
a evolução na edução financeira, conheça a Magnetis.

Entenda a tabela do IR – Imposto de Renda 2020

imposto de renda

A tabela do IR é um dos principais instrumentos para auxiliar os contribuintes na hora de enviar as informações fiscais para a Receita. Afinal, é nesse documento que constam as alíquotas do Imposto de Renda. 

Isso quer dizer que é essa a fonte para você saber qual é o percentual que deve ser aplicado sobre os seus rendimentos. Portanto, na hora de fazer o cálculo e declarar seus rendimentos, ter essa tabela é fundamental para que você não envie nenhum dado errado e, consequentemente, não caia na malha fina. 

Continue lendo esse conteúdo, aqui você vai encontrar a tabela do IR oficial para o ano de 2020, bem como informações sobre como fazer o cálculo do Imposto de Renda e onde acessar as informações dessa declaração. 

Qual a tabela do IR para 2020?

A tabela de IR funciona de uma forma progressiva. Portanto, quanto maior for o seu rendimento, maior será a alíquota e o desconto. Levando em consideração que a maior fonte de rendimentos dos brasileiros é o salário, a Receita prepara essa tabela com base nas faixas salariais. 

Além de ser uma fonte muito importante para quem vai declarar o IR e fazer o cálculo, essa tabela também é essencial para profissionais responsáveis pela gestão de pagamentos das empresas. Como esses dados são utilizados para o desconto na fonte, é necessário consultar a alíquota certa. 

Uma informação muito importante sobre a tabela de IR é a sua atualização. O ideal é que as alíquotas sejam atualizadas de acordo com a inflação e a economia anual do país. No entanto, mesmo com a recente demanda de alteração, a última atualização ocorreu em 2015. 

A seguir você encontra os dois tipos de tabela do IR, com valores mensais e outra com valores anuais:

Tabela do IR – Rendimento mensal 

Essa é a tabela do IR que serve como consulta para o contribuinte. Assim, por meio desses dados, você pode analisar se está sendo taxado corretamente em casos que o imposto é cobrado direto na fonte. 

Base de cálculo AlíquotaParcela a deduzir do IRPF
Até R$ 1.903,98IsentoR$ 0,00
De R$ 1.903,99 até R$ 2.826,657,5%R$ 142,80
De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,0515%R$ 354,80
De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,6822,5%R$ 636,13
Acima de R$ 4.664,6827,5%R$869,36

Tabela do IR – Rendimento anual

A tabela do IR anual serve como base para reajustes e definição da alíquota. Por isso, esses dados são levados em consideração pela Receita e não possuem atuação no cálculo do contribuinte. 

ValorAlíquota (%)Parcela a deduzir do IRPF (R$)
Até R$ 22.847,76IsentoR$ 0,00
De R$ 22.847,77 até R$ 33.919,807,5%R$ 1.713,58
De R$ 33.919,81 até R$ 45.012,6015%R$ 4.257,57
De R$ 45.012,61 até R$55.976,1622,5%R$ 7.633,51
Acima de R$ 55.976,1627,5%R$ 10.432,32

Como fazer o cálculo do Imposto de Renda para 2020?

Se você pertence ao grupo de pessoas que, mensalmente, contam com esse desconto na folha de pagamento, alguma vez já deve ter questionado sobre o valor retido. 

Com as informações dessa tabela, é possível chegar ao cálculo e certificar-se sobre a correta operação do tributo. Para isso, você deve ter em mãos alguns dados:

  • Valor do seu salário bruto recebido mensalmente;
  • Valor da dedução por despesas variadas; 
  • Valor da dedução por dependentes (se for o seu caso);
  • Valor do INSS multiplicado pela Alíquota.

Com essas informações, basta utilizar a seguinte fórmula:

Imposto de Renda retido na fonte = [(Salário bruto – dependentes – INSS) X alíquota] – dedução

Mesmo com essas informações, a própria Receita sabe que esse cálculo pode confundir muitas pessoas. Por isso, ela tem oferecido ajuda e tecnologia para simplificar e descomplicar o cálculo do Imposto de Renda. 

Onde acessar informações sobre o Imposto de Renda?

Na hora de realizar a declaração do Imposto de Renda, o próprio sistema ou aplicativo da Receita Federal disponibiliza uma função que fornece ao contribuinte o cálculo do seu IR.  

Esse processo é realizado de forma automática, à medida que você insere suas informações, o programa oferece o cálculo da alíquota que deve ser aplicada. 

Além disso, o site da Receita é uma outra ferramenta interessante para quem deseja obter mais informações sobre as alíquotas e o próprio Imposto de Renda.

Para isso, é necessário apresentar seus dados de acesso, Cadastro de Pessoa Física (CPF) e data de nascimento. Após essa identificação, o site oferece todas as funcionalidades, que incluem:

  • tabela do IR
  • prazos e lotes da restituição
  • situação do seu CPF
desafio 52 semanas

O que é o Imposto de Renda?

O Imposto de Renda é um dos principais tributos do calendário fiscal brasileiro. Ele é cobrado, de forma progressiva, de acordo com os rendimentos anuais de cada cidadão, ou seja, quem ganha mais paga uma taxa maior. 

Anualmente, os brasileiros que se enquadram dentro das diretrizes estabelecidas são obrigados a enviar suas informações para a Receita Federal. Assim, acontece a prestação de contas, para saber se, ao longo do ano, foi pago todos os tributos incidentes, ou se há algo a ser pago ou recebido. 

Diferentemente dos outros anos, em 2020 o prazo para envio da declaração do Imposto de Renda é maior. Os efeitos do novo coronavírus são sentidos em todos os setores da sociedade, e por conta disso, a Receita Federal estendeu o prazo até o dia 30 de junho.  

Portanto, quem ainda não enviou os comprovantes para o Leão e ainda não sabe como fazer, ainda dá tempo para procurar informações e enviar sua declaração. 

Agora que você já sabe tudo sobre as alíquotas e a tabela do IR, o que acha de entender tudo sobre o Imposto de Renda? Confira o nosso Guia completo sobre Imposto de Renda e conheça todas as particularidades dessa obrigação fiscal. 

Luiza Caricati

Luíza Caricati é produtora de conteúdo da Magnetis. Jornalista, tem experiência na área de investimentos, educação e negócios, e lidera nossa estratégia multimídia, traduzindo conteúdos complexos em comunicações didáticas para diversos formatos.

leia mais desse autor