Quais são as principais vantagens dos fundos de investimento?

por Vinicius Maeda

Fundos de investimento são uma boa opção para quem quer diversificar sua carteira e alcançar boa rentabilidade sem complicação. Sua forma de funcionamento é simples: o fundo capta recursos de diversos investidores e faz o gerenciamento conjunto desses valores.

Por essa característica, os fundos de investimento são comparados a condomínios, pois o patrimônio total é dividido em cotas, que são repartidas entre os investidores de acordo com o montante aplicado. O valor das cotas é alterado cada vez que o patrimônio total do fundo se valoriza ou desvaloriza.

Entre as vantagens de optar por fundos de investimento, estão a facilidade em diversificar a carteira, a possibilidade de aplicar mesmo com poucos recursos e a oportunidade de ter acesso a uma gestão profissional dos investimentos.

Diluição de custos e pagamento de impostos, menos burocracia, mais praticidade e possibilidade de acompanhar os investimentos sem ter trabalho são outros benefícios dessas aplicações financeiras.

Ficou interessado? Conheça neste post as principais vantagens dos fundos de investimento!

Facilidade para diversificar a carteira

Uma das principais vantagens dos fundos de investimento é a possibilidade de diversificar a carteira, mesmo aplicando pouco dinheiro. Mesmo investidores iniciantes que só aplicam em renda fixa conseguem diversificar, já que os fundos de renda fixa podem aplicar em papéis com diferentes prazos, emissores e características, respeitando o perfil de cada cotista.

A diversificação da carteira de investimentos também pode ter um custo menor para investidores que optam pelos fundos. Isso acontece porque o poder de negociação aumenta quando há mais dinheiro a ser aplicado. Somando os recursos de diversos cotistas, o gestor dos fundos pode conseguir uma rentabilidade mais competitiva de certas aplicações financeiras a um custo menor, o que não seria possível caso você investisse sozinho, como pessoa física.

Necessidade de poucos recursos

Muitas pessoas desanimam na hora de investir por acharem que não têm recursos suficientes para garantir uma boa rentabilidade. Quem opta por fundos de investimento, no entanto, consegue encontrar opções atraentes mesmo com pouco dinheiro para aplicar.

É possível achar produtos financeiros interessantes e diversificar a carteira com renda fixa e ações, por exemplo, mesmo com recursos limitados. Essa diversificação teria um custo muito mais alto se o investidor decidisse comprar os ativos separadamente.

Entretanto, é importante ter em mente que os fundos de investimento geralmente requerem uma quantia mínima para o primeiro investimento. Há, ainda, um valor mínimo para os aportes que serão feitos periodicamente.

Acesso a gestão profissional

Investir em fundos de investimento é uma oportunidade de ouro para ter acesso a uma gestão profissional da sua carteira. Ao optar por essa modalidade de aplicação financeira, você necessariamente terá um gestor no fundo para decidir em quais ativos seu dinheiro será aplicado.

O apoio especializado faz toda a diferença, principalmente para pequenos investidores que, com o dia a dia corrido, não têm tempo para acompanhar seus investimentos e muito menos para pesquisar sobre as opções mais adequadas ao seu perfil.

Outra grande vantagem é que os gestores de fundos de investimento têm a possibilidade de montar carteiras com produtos mais sofisticados, pois trabalham com recursos de diversos cotistas. Sozinho, o pequeno investidor não teria acesso a essas aplicações por não possuir um montante considerável para investir, por exemplo.

Diluição de custos

Pequenos investidores que contratam uma gestão profissional da carteira precisam arcar sozinhos com os custos do serviço. Aqueles que optam por fundos de investimento, no entanto, têm as despesas diluídas entre todos os cotistas.

Outra vantagem é que o pagamento do Imposto de Renda e do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) acontece diretamente na fonte dos fundos de investimento. Por isso, quem investe não tem a preocupação em recolher o imposto - como acontece com as ações, por exemplo.

Menos burocracia

Os fundos de investimento também têm como vantagem a menor burocracia, quando comparados com outras modalidades de aplicações financeiras. A figura do gestor de fundos é essencial nesse sentido.

O profissional, que tem toda a capacitação necessária para a função, não só trabalha em busca dos melhores investimentos para os cotistas, mas também cuida de todo o trâmite burocrático — como o recolhimento do Imposto de Renda e o cumprimento das regras de cada tipo de fundo.

Essa dinâmica é especialmente interessante para investidores que não são profissionais e, por isso, não têm tempo e/ou conhecimento necessário para escolher as melhores aplicações financeiras para seu perfil.

Fácil acompanhamento

Ainda que o gestor tenha a missão de garantir que os investidores tenham a carteira mais adequada ao seu perfil e objetivos financeiros, é essencial que cada pessoa acompanhe o desempenho dos fundos em que investe.

A boa notícia é que é fácil fazer esse acompanhamento. Os fundos de investimento emitem relatórios periódicos para os investidores que têm cotas. Além disso, é possível acessar sua carteira e documentos que tenham relação com o fundo pelo site da Comissão de Valores Imobiliários (CVM).

É importante que o investidor não deixe de fazer essa supervisão. Essa é a forma de estar sempre informado sobre os investimentos e, melhor, sem ter trabalho, já que não há necessidade de procurar informações de diversos produtos financeiros em lugares diferentes.

Foi-se o tempo em que diversificar a carteira com produtos financeiros sofisticados era exclusividade de grandes investidores. Essa é uma das grandes vantagens dos fundos de investimento: possibilitar que pessoas com recursos mais limitados tenham uma carteira completa e adequada ao seu perfil e objetivos de curto, médio e longo prazo.

Além disso, ao optar por essa modalidade, é possível ter custos menores e uma rentabilidade mais competitiva, com a grande conveniência de contar com um gestor profissional administrando suas aplicações financeiras.

Antes de apostar nesse tipo de investimento, uma boa ideia é comparar os fundos do mercado e conhecer as características de cada um deles por meio de um raio-x de fundos. Essas ferramentas são muito úteis para avaliar o desempenho de fundos e são um bom ponto de partida para o investidor iniciante.

Se interessou pelos fundos de investimento e suas vantagens? Não deixe de entrar em contato com a gente para saber mais sobre essa modalidade.

Vinicius Maeda

Vinicius Maeda é Diretor de Relações com Investidores da Magnetis.

Assine a Newsletter Magnetis e saiba tudo sobre finanças pessoais